Review do MacBook Air 11

Quando surgiu o primeiro MacBook AIR em 2008 eu estava realmente empolgado. Finalmente um computador que era razoavelmente poderoso para 80% das minhas atividade e que eu poderia carregar todo o dia sem dor nas costas. Usei ele por 2 anos inteiros nas mais diversas situações e realmente foi aprovado, claro que eu tive que adquirir um desktop mais poderoso para tarefas mais pesadas. Mas o sentido do AIR sempre foi de um segundo computador mesmo. O único problema dele era para processar vídeos mais pesados e outros tipos de tarefas mais árduas.

Eis que surge o iPad no começo do ano passado e eu comecei a usa-lo realmente como laptop, como reportei neste post. Se o AIR era leve o iPad me fez trocar a mochila por uma bolsa bem menor e tudo estava ainda melhor para as minhas costas. A questão é que para algumas tarefas, como programação, edição de video ou multimidia mais intensa o iPad precisava ficar em casa para o AIR entrar em ação.

Aí surge a nova geração do AIR e agora com um tamanho de 11 polegadas com quase a mesma dimensão do iPad. Perfeito! Vendi para um amigo o meu antigo AIR de 13 polegadas e comprei um AIR 11 com HD interno de 128 Gb solid state. Sempre sonhei com esta memória, mas era muito cara. O modelo mais barato vem com 64Gb, o sistema e as Apps como iLife ocupam 17gb. Mesmo assim, dá para trabalhar na boa se deixar as música para o iPhone.

Minha maior dúvida era entender como o  sistema todo se portava, pois o processador baixou de 1.6 para 1.4, ainda que Core 2 Duo. O resultado é surpreendente, a adição de uma placa de vídeo poderosa (roda full HD sem problema) e a memória sem peças móveis deu uma agilidade imensa. Esta memória é como as dos iPads e iPhones e são muito rápidas. Ele dá um boot completo no sistema em 15seg e abre programas super rápido também. Aqui está a mágica, enquanto o antigo precisava de um sistema que baixava a velocidade do processador quando a máquina esquentasse, e tornava tudo muito lento, o novo não esquenta tanto e a velocidade está sempre mantida. A rapidez com que ele fecha, abre, dorme e acorda é impressionante. Realmente é o conceito do iPad em um Mac.

Para chegar neste conceito a Apple produziu um sistema de memória fora das caixas de HDs tradicionais e dividiu a bateria em 4 módulos individuais para poupar espaço. Por falar nela, aqui outra boa surpresa. É possível com o monitor em metade do brilho e WiFi ligado chegar as 5hs que a Apple promete. Com todo o brilho do monitor e intensa atividade a minha média é 3:30min. Para a operação offline, dá para chegar a 6hs tranquilamente. Dormindo ele chega a 30 dias, mas isto não testei 🙂 Outra questão interessante, é que a bateria é mais moderna e suporta 1000 ciclos de recarga completa. O antigo era 300 ciclos, o que para mim corresponde a dois anos de uso. Vale lembrar que um ciclo completo é quando a bateria está completamente morta e se carrega até o final. Pequenas recargas vão se somando até completar uma carga.

Outra dúvida era quanto a tela, baixar de 13 para 11 não seria desconfortável? O AIR 11 é o único laptop da Apple que tem uma tela com a proporção 16×9. A largura é praticamente igual ao irmão mais velho, a altura é que diminui. Mas a densidade de pixels aumentou com a resolução de 1366×768, o que na prática deixa o trabalho confortável. Eu aumentei as fontes no Mail, Twitter e Safari e pronto, já me acostumei bem.

Outra adição boa foi a segunda porta USB, isso ajuda bastante, mas para compensar não há mais teclado iluminado e porta infra-vermelha para o controle remoto. Uso a App Remote no iPhone para controlar apresentações com o Keynote.

Por fim, imagino que muita gente deve estar na dúvida entre comprar um iPad, um AIR 11 ou ainda um MacBook Pro. Bom, depende muito das tarefas de cada um, o iPad é muito bacana para leitura de revistas e sites e o MacBook para tarefas diárias. Então, eu olho para o meu dia e vejo quais são as tarefas e escolho um ou outro, ou ainda os dois! Sim, pois se eu colocar o Air 11 mais o iPad eu ainda estou mais leve que um MacBook Pro 13. Ainda levo a vantagem que se eu somar o tempo de trabalho dos dois só com bateria chego em algo em torno de 14hs de trabalho pesado. Ah, e as minhas costas ainda agradecem!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Comments (

11

)

  1. Christian Tavares

    Eduardo

    Já li vários reviews sobre o Mac Book Air e realmente estou tentado a comprar o meu. Tenho um iPad 3G, um iPhone 3GS, um iMac, um Macbook white (de 2009) e um iPod Touch 2G.
    Como sou publicitário, uso 80% do meu dia meu Mac na agência. Uso meu Macbbok mais para internet, edição de imagens simples e para sincronizar com meus Gadgets.
    Acredito que substituindo meu Macbook por um Air seja a melhor pedida, até porque estou vendo que ele serve para tudo e dá conta do recado. O seu tem 2g de Ram ou me aconselharia 4g?

    1. Edupel

      Christian acho que para este uso que descrevestes o AIR é perfeito. Comprei o padrão com 2gb de RAM e está bacana para mim. Tenho monitorado e ele não está pedindo mais mesmo quando uso um Photoshop.

  2. Christian Tavares

    Oi Eduardo

    Bem, estou com o Macbook Air (de 11″, 2 Gb de RAM e 128 Gb) e posso te dizer que realmente é otimo.
    Em duas semanas de uso, já substituí completamente meu antigo Macbook white por ele. O mais impressionante é a velocidade ao ligá-lo e o conforto em digitar, já que sendo muito fino, facilita a posição das mãos.

    Melhor ainda é trabalhar com ele usando o iPad como monitor auxiliar.
    Obrigado pelas dicas.
    Grande abraço.

  3. Edupel

    Claro, grande idéia de usar o iPad como monitor extra. Sei que tem duas boas Apps para isso. Qual vc esta usando?

  4. Christian Tavares

    iDisplay.
    É realmente muito bom. Recomendo.
    Dos que teistei, esse é o mais estável e mais rápido.

    http://itunes.apple.com/us/app/idisplay/id363500805?mt=8

    1. Edupel

      Opa, valeu a dica!

  5. Fernando Rabelo

    Acabei de comprar um de 11″, 1.6 GHz e 4GB/ Muito bom desempenho e bateria. Já instalei linux e tudo funciona muito bem. O que me irritou sinceramente foi a falta do teclado iluminado; agora tenho que usar minha lanterna led usb e a bateria vai embora.

    1. Edupel

      Pois é sinto falta também. Mas em ambientes escuros se colocares o angulo do monitor mais perto dos 90 graus da para iluminar legal o teclado.

  6. Henrique Batezini

    Ola. Ajudou bastante este teu review, e minha dúvida é a seguinte: quarta feira dia 23/03 estarei comprando um macbook air 11″ com 1.4GHz,64 de HD, 2GB de RAM.Vou usar ele como computador secundario pois tenho um desktop com grande potencia. Gostaria de saber se o Autocad for MAC vai funcionar bem no air pois sou estudante de arquitetura e vou levar ele para a faculdade para trabalhar lá com o Autocad. Seria pedir muito que você fizesse o teste do Autocad nele?Não encontrei em lugar nenhum este teste no Air de 2GB de RAM, seria de grande ajuda pois tenho medo de comprar e o programa não funcionar. Desde já muito obrigado.

    1. Edupel

      Ola Henrique, não tenho Autocad aqui para testar, mas fui na página de requerimentos técnicos e eles recomendam 4GB de RAM: http://usa.autodesk.com/adsk/servlet/pc/index?siteID=123112&id=15435044
      Eu te aconselho a comprar no site da Apple que podes colocar 4gb de RAM. Este modelo de Mac só é possível fazer desta maneira, pois ele tem os chips de RAM soldados na placa. Não podes fazer o upgrade depois da compra.

  7. Henrique Batezini

    Pois é eu tinha visto que ele pede uns 3 ou 4 GB de RAM, mas realmente só posso comprar esse mac air igual ao teu pois é a grana que eu tenho. Estou tentando encontrar alguém na internet que tenha ele e instale o autocad pra testar, estou realmente afim de deixar o windows de lado e comprar esse air só que tenho medo de ficar muito fraco para o autocad. Como não vou usar ele como PC principal então de repente ele consiga um bom desempenho no cad para eu usar na faculdade. Mesmo assim obrigado, vou comprar quarta de tarde ele tomara que até la consiga resolver essa duvida!!